Assinatura RSS

Arquivo da tag: Peixe

O que é alho negro e MAIS: teste do molho béarnaise

Publicado em

Filé de peixe com béarnaise de alho negro

Oi gente!

Cá estou eu novamente, desta vez para falar de mais uma das minhas (des)aventuras na alta gastronomia. Já faz um tempo que comprei o tal alho negro e a decepção foi tanta que me deu até preguiça de comentar aqui.

Como acho que muita gente tem a mesma curiosidade (né Kika?), relatarei minha experiência logo abaixo.

Devo destacar que quis matar dois coelhos com uma cajadada (ou caixa d’água, diriam os engraçadinhos) só, então aproveitei para testar o molho béarnaise que já comentei aqui.

Alho negro:

Clique na imagem para ler a notícia na íntegra

 

Para fabricar um alho negro é necessário selecionar as melhores cabeças do alho comum – geralmente as com dentes maiores –, além de ter conhecimento sobre processos de fermentação. Escolhidas as cabeças, elas são mantidas numa estufa por entre três semanas e um mês. Nesse período, são controladas a temperatura e a umidade para que possibilitem atingir a coloração e o ponto ideal de maturação. “Não se aplica nada: é alho puro”, explica o chef.

Fonte: Revista Globo Rural

A receita é simples:
Usei filé de merluza. Deixei marinando em suco de limão, alho e sal (como sempre). Enquanto isso fiz a béarnaise seguindo a receita que já publiquei aqui. No final, acrescentei o alho negro.
A receita ficou bem gostosa.

Minhas considerações:

O molho béarnaise é é muito complicado pro resultado final. Não me entendam mal. É gostoso e cremoso, mas não é algo superior a qualquer outro molhinho gostoso e, o que valorizo muito, PRÁTICO. Não sou o tipo de pessoa que curte passar muito tempo preparando. Só faço receitas difíceis se valerem muuuito a pena. Um exemplo: Gnocchi. Tem também uma torta de ricota com pêssegos que faço que tem várias etapas mas fica divina.

O alho negro: é gostosinho. Realmente tem um sabor adocicado e não lembra gosto de alho. Me lembra shitake, porém um pouco mais ácido e com fundo de defumado. É uma experiência diferente mas que, para mim, não vale a pena ser repetida (principalmente porque paguei 15 reais numa cabeça de alho, o que inclusive me fez considerar produzir e ficar rica vendendo pra restaurantes – coisa que, se fizer, apagarei esse post e escreverei outro dizendo o quanto o alho negro é maravilhoso…huahauhauha).

Por favor, encarem esse post como a opinião de uma pessoa normal, que cozinha EM CASA e não tem nenhuma formação em gastronomia. Não sou crítica culinária, apenas quis compartilhar com vocês o meu parecer ;)

Beijos!

Anúncios

Filé de pescada à milanesa

Publicado em

Filé de pescadaVamos variar o peixe de sempre??
*VAMOS!!*

Ingredientes:

  • Filé de pescada
  • Tempero de alho e sal (amor da minha cozinha)
  • Suco de limão
  • Farinha de trigo
  • Ovo e farinha panko (para empanar)
  • Óleo para fritar

Modo de fazer:
Deixe os filés marinando no tempero de alho e sal com suco de limão por aproximadamente meia hora. Escorra (reserve o caldo da marinada para fazer um pirão, se gostar) e passe na farinha de trigo, no ovo batido e na farinha panko (uma farinha de pão, mais grossa, que fica mais crocante). Pode ser farinha de rosca normal, se não encontrar a panko. Frite em óleo quente, por imersão.
Sirva acompanhado de legumes grelhados ;)